sábado, janeiro 29, 2011

Filha

Minha alma fica presa e se debate ansiosa!
Faço uma prece! Clamo aos Céus, e medito.
No aguardo desta força evocada, poderosa,
Minha filha adormece, faço votos e reflito.

Minha alma se debate, num silencio enorme,
Nos soluços do meu coração ansioso, intenso.
Aguardo que este anjo, de seu sono acorde,
Para os beijos, tantos beijos, de amor imenso.

Dar-lhe-ei os carinhos vastos e mais bênçãos,
Com o mais profundo amor sereno e doce...
Que nos abraços, e no calor de minhas mãos,
Com a graça do teu riso, que tu’alma trouxe...

Ó quanta ternura, que amor, que sentimento!
Sob a graça piedosa, no silêncio dos carinhos,
Dorme a minha linda, no amor que alimento;
No calor do aconchego amoroso dos meus ninhos!


Atendendo ao convite do meu querido amigo e Poeta, Antonio, eu que não sou poetisa, me atrevo a escrever o que trago em meu coração, em palavras simples, mas com emoção, à doce Flávia e sua mãe, com carinho...



Em teu sono profundo,
dorme, cresce e aprende...
sente a mãe que acalenta,
ama com ternura e compreende...
que na vida, nada é em vão,
tudo é Amor
em ação...
Seja na alegria ou na dor,
que o Amor seja sempre
o maior motivo de união...
e que toda lição, seja
momento de evolução...
Segue acreditando em Deus,
tenha fé, esperança
e abrace a missão
de seguir vivendo,
aprendendo e ensinando,
abrindo o coração...
Pois, dia há de chegar
e o por que de tudo entenderão,
viverão momentos de paz, alegria
e libertação...


Blog Flávia vivendo em coma
http://flaviavivendoemcoma.blogspot.com/

Nenhum comentário: