sábado, fevereiro 19, 2011

Soneto no Quadro

Em um quadro, vejo um lindo soneto.
Virtuoso talento, colorido, enfeitado!
Cores intensas, de vibrante quarteto,
Do coração do poeta, o soneto pintado!

Pintado com vida e paixão tal soneto,
Dedicado às almas de oníricas visões!
Extravasa em beleza de lindo terceto,
Expressa na tela com amor e paixões!

As mãos do poeta constroem uma escrita.
Seus olhos enxergam amor em sua obra,
Das alegrias, das lágrimas, angústia e dores...

Pois o coração que inspirou o poeta,
Da saudade do amor que foi-se embora,
Só resta o soneto, a saudade e as flores...




Créditos da Imagem:
http://ocantinhoda.borboletaazul.net/2010/09/arte-naif/
Pintura naif de Emma Bianchini





17 comentários:

flor de jasmim disse...

Sempre sublime, seus poemas são lindos são escritos com alma e coraçao o que os torna uma perola.
Beijo bom fim de semana

alma de pássaro disse...

Por vezes, a única coisa que nos resta são mesmo os "sonetos"...
Obrigado pela partilha.
Beijinhos

Zil Mar disse...

Oi Poeta...

São de rara beleza seus poemas...

A imagem e suas palavras em perfeita harmonia...

um bjo grande!

bom final de semana!

Zil

Maria disse...

Querido amigo os seus sonetos tocam sempre o meu coração, são divinais.
Bom domingo
Beijinhos
Maria

Celina disse...

Oi amigo , muita paz. que soneto lindo, perfeito, parabens amigo .Um final de semana bem legal para vc. Vai un abraço Celina

Amapola disse...

Boa noite, querido amigo poeta.

A linguagem da sua alma é sempre linda...

Um grande abraço.
Tenha uma linda noite.

Sonia H disse...

Olá,
Que lindo poema! O quadro da Eva encaixou perfeitamente em suas belas palavras!
Parabéns pelo blog!

Sonia H disse...

Olá, novamente,
O nome da artista do quadro é Emma e não Eva.
Abraços,

Crisálida disse...

Um amor que se vai, sempre deixa um rastro de dor e aflição... Felizes são os poetas, que conseguem nos versos dar a essa dor, vasão... Poeta, a mesma sede que tenho por água, é também a que tenho por te ler, pois a água sacia o corpo, e os seus versos sacia a alma... Obrigada por ter me dado a chance de conhecer o maravilhoso trabalho que você desenvolve aqui nesse espaço.
Beijos

M@ria disse...

A lua nova a se renovar
e o céu infinito a cintilar,
olho bem alto e choro a dor
do tempo que carregou o nosso amor.

AMARILIS PAZINI AIRES

Feliz Domingo...Beijos no coração/M@ria

Líricos Poemas disse...

Feliz e abençoado Domingo à todos.
Beijos e Beijos.......M@ria

Ingrid disse...

vim agradecer a visita e pelavras..
conhecer teu catinho e amei..
já te sigo daqui..
beijo e um bom domingo..

Celina disse...

Oi Amigo agradeço a visita e o lindo comentário rogo a Deus que nos abençõe. UM abraço carinhoso Celina

JB disse...

E resta sim um soneto repleto de belas sensações pintadas numa tela que nos faz sonhar... E o poeta recolhe a mais bela visão e faz dela um poema sentido no coração!

Belo!!!

Beijinho

ValériaC disse...

Meu querido...amei o soneto e amei a imagem... maravilhoso ver tanta beleza em seus versos, tanta sensibilidade que há em seu coração.
Bom domingo amigo...beijos...
Valéria

gatinhafofa disse...

Lindo lindo lindo!! beijinhos!!

Emma Bianchini disse...

Oi, adorei o poema inspirado na minha tela O sonho!
Fico imensamente feliz por esta inspiração,o poema que nasce da alma ,assim como as cores que brotam na tela, tudo é emoção e arte.Obrigada! amei de verdade bjs
Emma Bianchini