terça-feira, maio 24, 2011

Carma Evolutivo

Num desfecho intrigante vem a morte afinal,
Em uma longa espera, para a vida encerrar.
Com seus braços na espera da lida corporal,
Feito sombra passageira, para nos agasalhar...

Na fronteira insondável de moradas infinitas,
Comovente, misteriosa, para nos encaminhar;
E que hoje simboliza o descanso dessas lidas,
E num último suspiro, para que se preocupar?

Quando estivermos a caminho do insondável,
Ilusões se findarão, das loucuras execráveis,
E esse corpo, nossa roupa, iremos descartar.

É quando vem as luzes do esplendor celestial,
Pra vencer a morte e para vidas memoráveis,
Em astrais desagregados, noutra vida encarnar!




A crença na rencarnação está presente em alguns sistemas filosóficos e religiosos, segundo a qual uma parte do Ser é capaz de subsistir à morte física. Chamada de consciência, espírito ou alma, essa porção seria capaz de voltar sucessivamente a diversos corpos com o intuito de auto-aperfeiçoamento ou a anulação do carma. A reencarnação é uma das doutrinas do Espiritismo, codificado por Allan Kardec, do Hinduísmo, do Jainismo, da Teosofia, do Rosacrucianismo e da filosofia platônica. No entanto existem vertentes místicas do Cristianismo como, por exemplo, o Cristianismo esotérico, que também admite e aceita a reencarnação.
Diz-se que a vida é a passagem que a alma tem para o aprendizado.
Antes de nascer o ser já sabe para onde vem e para o que vem, e tudo terá de ser cumprido.
Se houver uma interrupção repentina, o karma não foi cumprido então a alma terá de cá voltar quantas vezes forem necessárias até que seu aprendizado se cumpra.
Por isso muitas são as vezes em que pessoas se questionam, o porque de certas dificuldades e fatalidades que lhes acontecem, ai está quando o corpo partiu tão depressa tinha muito que resolver, e não deu tempo, então ai volta para resolver as pendências que cá deixou.
Mas como a alma sempre vai encarnar num corpo diferente até aos 3 anos ele se lembra de muitas coisas, a partir dai em diante tudo é esquecido, é por essa uma das razões que não nos lembramos de nada para traz e sim dai em diante.

Colaboradora: Franciete Filipe

15 comentários:

Carla Fernanda disse...

A vida e seus eternos enquanto duram...depois a morte e a sorte ... e tudo é forte.
Beijos e boa noite!
Carla

guímel disse...

Não só de experiências, como de conhecimento o espírito precisa para reintegrar-se na sua totalidade.
A eternidade começa com a mudança da consciência. Evoluindo aqui, lá... teremos a vibração correspondente.

Maravilhoso texto!

Beijos meus

Silene Neves disse...

Olá Querido Poeta!

Vim agradecer suas visitas e seu carinho!

Vim trazer meus beijos e te desejar dias de muita paz!

Sobre o seu post... parabéns pelo poema e pelo texto explicativo.

Muitas verdades foram ditas aqui.

Abraços

Sil

Arnoldo Pimentel disse...

Muito bom e profundo seu texto, parabéns.

http://ventosnaprimavera.blogspot.com

Bela disse...

Acredito que a morte não deva ser o final. Devemos ainda viver várias vidas para que possamos tentar nos aproximar ao máximo da perfeição do espírito e, para isso, devemos passar por situações que nos ajudem nessa missão da evolução espiritual.
Lindo poema e texto muito interessante!
Uma ótima semana!
Beijos,
Bela.

Olinda Melo disse...

A Morte na Civilização ocidental é encarada como uma desgraça.Em muitas sociedades ela faz parte da Vida, é esperada como uma passagem para uma Vida Melhor.Também era vista em sociedades mais antigas,como a da Roma Antiga, como a oportunidade de aumentar os deuses do lar, os Manes, que tinham a função de proteger os seus.A reencarnação é um tema muito interessante e que talvez nos dê a oportunidade de corrigir situações com as quais não soubemos ou não pudemos lidar e que, portanto, nos ultrapassaram.É sempre uma Esperança.

Este poema foca um assunto que nos transcende e que nos preocupa, tendo em conta a nossa incerteza sobre o que nos espera.

Boa inspiração!

Abraço

Olinda

Lilian disse...

No creo que la muerte sea el final , si una transformacion del espiritu y nuevos estados de vivencias en una conciencia diferente .
Hermoso tu post y muy reflexivo !!!
Un abrazo cariñoso .

Toninhobira disse...

E somos tantas outras vidas que vivemos e passamos para reviver.Linda sua reflexão em poesia de alto nivel de inspiração e cultura.Meu abraço amigão.

flor de jasmim disse...

Vozes de Minha Alma
Profundo!!! Vou deixar aqui o final do meu poema no meu cantinho.

O sol deixa de brilhar
Uma lágrima fica no olhar
Lança-se um último suspiro
E começa o tempo infinito.
Beijo

ValériaC disse...

Meu querido, sempre encantador ler e ver o talento que você tem em poetizar suas mais diferentes idéias, juntamente com a participação de nossa querida Franciete.
Voce sabe o que penso e creio...estamos sempre evoluindo.
Meu amigo, tenha uma suave noite...beijos...
Valéria

Flor da Vida disse...

Poeta,
é maravilhoso ler o que escreves...
Seus versos são um eco da realidade da vida...
Profundo, verdadeiro, e muito reflexivo o seu poema!
Aplaudo-te, e aplaudo também a participação da amiga poetisa Franciete Filipe!

Que Deus continue a iluminá-los sempre!!!

Desejo aos dois uma linda e abençoada noite!
Beijos duplos

O Árabe disse...

Misticismo e poesia... fantástica mistura, nos teus sempre belos versos, caro irmão. :) Meu abraço, bom resto de semana. Salam Aleikum!

MARILENE disse...

É indispensável perder a memória ou o ser humano jamais conseguirá atingir os objetivos da existência.

Bjs.

Judite disse...



Boa noite!

Vim te visitar e deixar minha mensagem:

"Não há nada no mundo que me faça infeliz, desde que creio em Deus e em mim próprio, feito à imagem do criador". (Hans Willing)

Que seus dias sejam abeçoados!

Deus seja contigo!


Blog Yehi Or!

www.hajalluz.blogspot.com

Ivone Poemas disse...

Esse seu poema é lindíssimo, amei tê-lo recebido de presente, muito obrigada, jamais me esquecerei desse gesto lindo e feliz!
Lá está com minhas considerações e meu carinho por você meu bom e querido amigo!
Sempre aprendendo, sou mesmo feliz por isso, pois essas trocas são nada mais do que isso, interação em nosso bom aprendizado e em nossas evoluções!
Mil beijos em seu lindo coração!