quarta-feira, outubro 05, 2011

A Piedade


Em um beco qualquer
Decadente e imundo;
É assim noite e dia,
No cenário de outro mundo;
Onde vive a Miséria,
Marginal e Vagabundo...

Os sinos estão sempre a tocar,
Na imensa catedral...
Simbolizam uma voz!

Parece um último adeus,
Dos desejos sacrossantos
De um ser angelical...

Mas eis que surge,
Senhora Piedade!
Vem aos becos caminhar,
Vem aos becos mais imundos!

Como foi em Calcutá,
Vem aos pobres deste mundo.
Vem trazendo devagar,
Liberdade ao moribundo...

Vem com beijos, com delírios,
E no calor de suas mãos;
Estas almas consolar!


23 comentários:

Antônio Lídio Gomes disse...

Olinda, ainda não consegui deixar comentários no teu blog.
Tenho tido mais sucesso com aqueles que usam página inteira, ou janela pop up. (Nos que tem e-mail, envio meus comentários por eles)
Porém deixo aqui minhas impressões sobre o poema Partindo.
***
Falar de partidas, despedidas ou primavera dão tantas poesias! Como é bom os ciclos em nossas vidas para que as sensações sejam como esta primavera. Sempre renovada.
Um beijo grande, abraços fraternos.

blog. da Tereza Maria disse...

Sem palavras...
Apenas reflitir e agradecer ...
Beijo na Alma
Senti sua falta...
Um abraço poético!

Bergilde disse...

Olá Antônio!
Estou chegando através do blog da Luconi pois o que lí por lá não apenas me deixou curiosa em vir aqui mas também me fez perceber como certas pessoas(me refiro no caso a você) têm o dom da palavra e conseguem transmitir sentimentos e emocionar a gente mesmo sem as conhecer,parabéns por este post que leio também agora.
Vou por nos meus links pra não perder suas atualizações de agora em diante.

**♥✿-franciete-✿♥** disse...

Olá meu querido, este poste me tocou muito mas há tempos atrás eu o tinha já comentado, mas como a nossa amizade é sem dúvida tão pura e sincera eu aqui estou de novo para te dizer que ainda bem que o mundo tem e sempre terá corações onde o ser humano se possa inspirar com todo este amor.
Beijos mil em teu coração...
PS:tenho achado você um pouco sumido?
Será que é teu trabalho, ou tu anda chateado com alguma coisa!

Olinda Melo disse...

Olá, Antônio

Este poema mostra bem como há corações que têm muito amor para dar aos seus semelhantes. Despojam-se de tudo e vão ao encontro dos desvalidos, partilhando com eles o muito ou o pouco que têm. Evoca Madre Teresa de Calcutá ao falar desta Srª 'Piedade', realmente há pessoas que ultrapassam os seus próprios limites.Benditas sejam!

Grande abraço, meu amigo.

Olinda


P.S.
Muito obrigada pela sua amizade, tendo o cuidado de me deixar aqui os seus comentários. De facto, os problemas nos blogues continuam. Eu também tenho tido dificuldades em postar comentários em alguns deles.

LUZ disse...

Olá estimado António,

Li, com emoção, seu lindo poema.
Que hajam muitas "Piedade" por esse mundo fora. Ele está precisando.
Vamos dar nossas mãos, e a corrente de energia positiva será maior, e nos unirá, para sempre.

Abraços de muita luz.
Volte sempre.

OceanoAzul.Sonhos disse...

Imenso...

uma abraço
oa.s

ValeriaC disse...

Que lindo amigo...benditas sejam estas almas caridosas, piedosas, tão plenas de amor incondicional que vem auxilio e alento de tantos que sofrem na vida...
Meu bom amigo, fique na paz, tente preservar a alegria interior, fique na certeza que é cuidado, protegido e amado por Deus e por nós, seus amigos que tanto o admiramos e somos gratos e felizes com sua sincera amizade.
Beijos...
valéria

helia disse...

Um Poema muito bonito!

LUZ disse...

Olá estimado António, (NÃO PUBLICAR), por favor.

Não sei se costuma pôr seu símbolo no painel de blogues, que está seguindo.
Caso não, me desculpe.
Caso sim, o aguardo com muito prazer.
Agora o meu e-mail já está correcto no blogue, tá?

Beijos de muita luz e carinho.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Caro amigos

Preciosas palavras.
Encantam e ensinam.

Piedade é uma
das muitas faces do amor.

Preciosa para quem recebe.
Valiosa para quem oferta.

Que os sonhos te habitem
o coração, sempre...

Judite disse...


Boa tarde, Antonio!

"Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união! Salmo 133.1"

Vim te deixar o meu abraço carinhoso e avisar que estamos pedindo a opinião dos amigos para um projeto no blog.
Será um prazer para nós saber a sua sugestão.

Estamos te esperando!

Deixo aqui um vídeo para agradar seu fim de tarde e seu começo de noite. :)

http://www.youtube.com/watch?v=iq_qT6lvYpk

Deus seja contigo.

Blog Yehi Or!
http://hajalluz.blogspot.com/

rosa-branca disse...

Ainda bem que existem almas assim...a natureza está muito completa e não está mais porque um ser humano faz mas há logo dez a desfazer. Imagem maravilhosa. Beijos com carinho

Celina disse...

Oi amigo muita paz , a sua poesia é linda, e deixa para nós a seguinte lição, Deus permite que exista miseraveis devedores, mais ao seu lado existem anjos que vem em missão enchugar as suas lágrimas, e secar as suas feridas, e poetas que transforma em versos todo esse padecer, parabens poeta por mais esta bela poesia. Um abraço fraterno Celina.

MARILENE disse...

Há almas benditas que sempre merecem homenagens. Há quem vê e não apenas olha e passa. Há quem estende as mãos e merece nossos aplausos.
Podemos todos ser piedosos. Basta ouvirmos o grito dos sentimentos, que se apresenta no inconformismo, diante de certas situações.
Bjs.

Ange disse...

Antonio, boa noite!
Aqui um pouco atrasadinha no entanto ainda quero ressaltar minha gratidão, admiração e contentamento com um belo e pertinente comentário por você deixado ao meu humilde texto"perdoar". Seus comentários a são tao belos quanto seus textos.
Olha isto aqui! Palavras poeticamente tao belas e sincronizadas que parecem até serem divinas! Aplausos ao poeta!
Lindo fim de semana!
Ange.

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa noite Amigo
Hoje vim só para lhe agradecer
Com um simples dizer
Muito obrigado pelo seu carinho
Lá no meu cantinho.
Muito obrigada pela terna alegria
Que me traz a cada dia
Com a presença de sua luz
Você me conduz
Ao encontro do segredo de tudo saber
Que está dentro do meu ser.
Obrigada por me ajudar
A ver e a sentir a realidade
Que me ajudará a caminhar
Ao encontro da minha felicidade.
Prezado amigo
Nesta canção
Quero apenas reforçar a minha gratidão
Obrigada por me estender a sua mão.
Obrigada por me falar
Com o sentimento de seu coração,
E por me mostrar
O valor de ser amigo
Que contigo
Veremos o bem se fortalecer
E o mau enfraquecer.
E assim a amizade será de verdade
Para toda a eternidade!
Tenha um bom fim de semana
Abraço Fraterno
Maria Alice

Magia da Inês disse...

♥ •˚。
°°Olá, amigo! 。♥。
● ♥• Poema muito expressivo e inspirado, além de inteligente.
˚。˚ Bom fim de semana!
♥ •˚。Beijinhos.
•˚。Minas
..(░)(░)
(░)(♥)(░)
..(░)(░)

M@ria disse...

Daqui a alguns anos estará mais arrependido
pelas coisas que não fez do que pelas que fez.
Solte as amarras! Afaste-se do porto seguro!
Agarre o vento em suas velas!
Explore! Sonhe! Descubra!

(Mark Twain)

Beijos & Flores.....M@ria

Sonhadora disse...

Meu querido

O mundo precisa tanto dessas almas boas, que se esquecem delas próprias para se darem aos outros.
Como sempre a tua alma chorou em cada letra.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Maria disse...

Amigo poeta aplaudo de pé este poema maravilhoso, quanta sensibilidade.
Bom fim de semana.
Beijinhos
Maria

Evanir disse...

Um Feliz Domingo Anjo Amigo.
Beijos no coração.
Evanir

Mery disse...

"A Piedade"...
*Vem com beijos ..e, no calor de suas mãos ... almas vai consolar*.
Amar aos pobres do mundo, essa Senhora Piedade*
como uma santa...surge!
Se existisse mais senhoras assim*
pra ser piedoso, precisa ser humilde e ter a alma cheia de amor ao próximo, um mandamento de Deus que poucos seguem.
Já estou fã daqui, e estou entre os seguidores.
Um abraço da Mery*