domingo, fevereiro 13, 2011

Galeria dos Miseráveis

Os miseráveis,
E os andarilhos
São estrelas apagadas
Vagando nas galerias,
Abaixo das construções...

Os desafortunados
Choram em direção
Em busca do Reino de Deus
Já que o Paraíso acolherá,
Certamente um ladrão...

Os malabaristas,
Fazem da rua um circo
Com platéia de milhão
Onde o show não acaba
Somente na contramão...

Atores segregados
Pela toxicologia humana
Representam o que são
Sem Disney, sem devaneios
Somente a crakolândia,
Reduto da perdição...

Galeria dos anônimos rotos
Pública e para todos demais!
Expõem debaixo dos viadutos
Abaixo da superfície,
A arte dos marginais...