quinta-feira, março 15, 2012

O Maior dos Amores


Eu imagino que neste roteiro de tanta glória
És tu uma princesa e a fina flor da majestade;
A dama dos desejos, dos lírios, d’alma flórea,
Abrigo de tantos delírios, de amor, felicidade!

Mas penso temeroso quando tu vier a morrer
Que angústia e que dor pelas almas tornaria;
Que seria então de nós, todos então a sofrer,
Pois um céu enegrecido, sobre nós desabaria!

Todo sofrimento de tua vida, nos doces leitos
Ficará in memoriam, via crucis dos calvários;
Como néctar de teus lábios saciando os desejos,
De filhos desajustados, insanos, e tantos vários!

Mas teu corpo de luz, de mártir, tão despojado
Envolto em sedas, e nas mais cheirosas vestes;
Serás entre as primeiras, pelo Cristo abençoado,
Sob a glória divinal das lindas mansões celestes!

Creio que Ele ao ver teu corpo despedaçado
Magnificência, invólucro de uma alma bela;
Cure todas as feridas, de teu corpo profanado,
E seja lavado numa fonte, cristalina e singela!

Não será nenhum pecado, ironia atroz funérea
Imaginação minha, do pobre mortal que sou;
Comparar-te a uma princesa, dentro dessa matéria,
Quando estiveres nos braços, Daquele que te amou!





29 comentários:

Santa Cruz disse...

Amigo Antonio: lindissimo, e não é pecado nenhum chamar princesa aquela que está nos braços de quem a amou.
Um abraço
Santa Cruz

marlene disse...

LINDISSIMOS VERSOS POETA QUE MESMO FOSSE PECADO O POEMA JAMAIS PERDERIA A BELEZA DIANTE DE AMOR TÃO IMENSO
PARABENS POR SUA BELA INSPIRAÇÃO
ADOREI LER AQUI PALAVRAS MAIS LINDAS
DEIXO UM ABRAÇO TENHA UMA EXELENTE TARDE DE QUASE OUTONO MARLENE

ValériaC disse...

Lindo... querido Poeta, de uma intensidade absolutamente tocante e especial.
Beijos, feliz tarde
Valéria

Arnoldo Pimentel disse...

Um poema tão lindo quanto profundo, parabéns poeta.

Ange disse...

Prezado amigo, me parece que tal "criatura" aqui por você retratada seja imortal; não deves temer sua morte!
Sempre que leio um dos seus textos fico maravilhada com este seu belo talento de criar, juntar e jogar tão linda{mente} com as palavras! Um poeta{r} admirável!
Deixo-te aqui meus aplausos e carinho de sempre!
Linda noite!
Ange.

Kellen Bittencourt disse...

Olá amigo, lindo texto e olhos hipnotizantes esses, bela musica tbém! Parabéns! abraços

Olinda Melo disse...

Meu amigo

O Maior dos Amores é um poema transcendental que toca o material e o espiritual, equilibrando-os, pois cada um no seu plano tem o seu devido valor. O Corpo e o Espírito obras do mesmo Criador.

Abraço

Bom fim de semana.

Olinda

Celina disse...

OLHA AMIGO ALEM DE LINDO E MUITO PROFUNDO ´SO QUEM TEVE UM GRANDE AMOR É CAPAZ DE ENTENDER, ESTE AMOR É IMOTAL, E O CRISTO ABRAÇA TODOS AQUELES QUE CHEGAM ATÉ ELE, POR MAIS SOFREDOR AO PONTO DO CORPO FICAR DISFORME. UM FINAL DE SEMANA DE MUITA PAZ. ABRAÇOS CELINA.

Magia da Inês disse...

Doce e triste!!!

º°❤ Bom fim de semana!
°º✿ Beijinhos.
º° ✿ ✿⊱╮Minas.

LUZ disse...

Bom dia querido António,

Não foi falta de tempo, não, nem foi esquecimento, também.
Faltaram-me as palavras e sem elas, não podia te responder, agradecer tão sublime poema.
O altar, sim, continua nosso, e o afecto, também, que não restem dúvidas.
Fiquei tão fragilizada, no sentido mais elevado do termo, perante sua poesia, que era preciso dar algum tempo, para interiorizar e depois falar, me dar.

O MAIOR DOS AMORES É MESMO O MAIOR DOS AMORES, sabemos.

Excelente fim de semana.
Beijos da mais pura e sincera luz.


PERDOA-ME

Perdoa-me, vasta nobreza
Se por ti passei ilesa
Sem me deixar envolver
Na sublime e doce grandeza
Incapaz de te pertencer.

Perdoa-me, luz das manhãs
A pedir-me, que a ti me renda
E me encontras inerte ao brilho
Indiferente às tuas oferendas.


Perdoa-me, vida, nossa vida,
Que a mim parece tão florida
E que, sem querer, despetalei
Deixando-te a dor mais ressentida.

Perdoa-me, meu querido amigo
Se me sentes distante e vazia
Se te quero, por minha companhia
E te faço chorar lágrimas minhas.

Luz

**♥✿Franciete-✿♥** disse...

Amigo o meu muito obrigado pelas palavras, e que tudo em sua vida seja um mar de rosas sem espinhos porque os espinhos se cravam em sítios assim como em nossos corações que nos fazer doer bastante.
Beijinhos de luz e paz em sua vida...

Maria disse...

Meu amigo quanta ternura e amor neste lindissimo poema. Sempre a tocar a nossa alma com a sua maravilhosa forma de escrever.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Evanir disse...

Foi ficar ausente por tão pouco tempo para sentir o coração doer de saudades.
Meu amigo querido venho deixar meu carinho desejar um feliz final de semana beijos.
Evanir.

ONG ALERTA disse...

Amar náo é pecado...
Abraço Lisette.

LUZ disse...

Meu queridíssimo António,

Você me surprende, todos os dias, a cada hora, minuto e segundo.
Lindo seu poema, sob a forma de comentário. O guardei no peito, no lado esquerdo com rosas vermelhas, as que você me ofereceu.
Obrigada, mil vezes. Eu sei, que são insuficientes, mas o meu carinho e ternura completam o agradecimento.

Estive escutando o vídeo, que colocou por baixo do " O Maior dos Amores". Amei! Que sonoridade e que letra!

Bom final de semana.
Beijos de muita luz.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Caro amigo

É verdade...

Não será nenhum pecado...


Desejo que a alegria
faça folia em sua vida.

LUCONI disse...

Meu amigo que dizer a ti sobre tão bela obra? Nossa é lindo demais, mas esteja certo que a alma imortal sempre sobreviverá e os amores verdadeiros jamais se findarão, e com certeza jamais será pecado, beijos Luconi

Centelha Luminosa disse...

Olá Antonio, leio teu poema tão rico de emoções e sentimentos, e me vou daqui , feliz, pois meus olhos encheram-se de poesia, de excelente qualidade!

Feliz Domingo!

BJos da Lu...

Pensando com Arte disse...

Boa tarde,
Vim deixar no seu cantinho a minha marca, li e reli seu texto, e agradou o que lá referiu.
Ele é a tua força , mas em ti também desaba quando disso necessitas*
Não é pecado, apenas é o resumo de duas almas que se perderam uma na outra.
Gostei e irei seguir os teus paços, esperarei a tua visita.
Pensando com Arte.

TITA disse...

Acho que foi dos poemas mais belos que aqui li.É sim,o maior dos amores...Um abraço.

Mery disse...

Amor incondicional*...apaixonante essa princesa, amada e cercada pelo Bem, que continue assim. QUE ESTE SEJA O AMOR ETERNO*

Tô te seguindo,Mery**)

Sonhadora disse...

Meu estimado poeta

Que essa princesa que tens no altar do amor, faça de ti o rei do seu coração.

Um beijinho
Sonhadora

Celina disse...

Oi amigo, obrigada pelas palavras, que só nos faz bem, pala gentileza e carinho, tudo de bom para vc,Um abraço fraterno, Celina

Evanir disse...

Querido Amigo.
Venho desejar uma linda semana te deixar um beijo .
Amigo não teve como não ler o lindo poema da Luz.
Amo tudo que a Luz escreve é sempre carregado de muita emoção.
Beijos.
Evanir.

ZilMar disse...

caro Poeta,é uma poesia linda demais!

toda mulher amada é uma princesa para o seu amado....ou assim deveria ser...e não há nenhum pecado em se tratando de amor...

um bjo e minha admiraçâo sempre...



Zil

O Árabe disse...

É maravilhosa, meu irmão, a forma como as tuas palavras exprimem os sentimentos! Meu abraço, boa semana. Salam Aleikum!

Evanir disse...

Parabéns para nos que tanto carinho temos pelas nossas amizades
quantos vezes mesmo cansados procuramos de alguma forma acarinhar
nossos amigos(AS).
Na verdade ao longo do tempo fez nossa amizade crescer
hoje somos como irmãos .
Uma verdadeira nação de blogueiros unidos no amor.
Um beijo carinhoso pelo nosso dia.
Que muitos anos possamos comerar cada vez mais unido essa Dia.
Carinhos meus.Evanir..

Pedro Menuchelli disse...

Ah, o amor.
É unico, sublime e faz toda a diferença na vida de uma pessoa.

Um grande abraço meu caro amigo,
Pedro

Mery disse...

Aquela que está nos braços daquele que a amou" ... nunca será "pecado o Amor*
Esse poema é lindo!
Grande beijo, amigo.